29 de jun de 2012

Aquecimento global: verdade ou mito?


Next!

Marta Matui

Esse velho pentelho é o responsável pela irritação que passo há anos. Ele é o guru que previu que a Terra estaria esquentando. Um imbecil chamado James Lovelock, inglês, do tempo em que a Inglaterra era potência e se achava (continuam se achando mas hoje em dia é ilusão).

Ele que escreveu o livro A Vingança de Gaia, uma teoria alla Avatar, e que teve em Al Gore seu maior e mais estúpido seguidor. Teoria alla Avatar são essas idéias, livros e filmes criados da ilusão de controle de homens pertencentes à sociedades de economia dominante e que naquele momento acham que podem salvar o mundo. Sendo o perigo uma ilusão de suas cabeças doentias. Como esse James Cameron vindo aqui no Brasil "resolver" o problema de Belo Monte só porque fez um filme cheio de personagens azuis.


"Esses cientistas não conseguem dizer 
se vai chover amanhã sem margem de erro. 
Notam mudanças mas não percebem que 
a Terra muda todo tempo e sempre mudou."


Quantas e quantas vezes já escrevi no "Pequenas Leituras"  que essa teoria de aquecimento global é uma estupidez? E que homem nenhum pode prever o futuro de um planeta sendo o próprio muito maior do que o homem. E que homem nenhum sabe mensurar os fenômenos, principalmente climáticos.

Esses cientistas não conseguem dizer se vai chover amanhã sem margem de erro. Notam mudanças mas não percebem que a Terra muda todo tempo e sempre mudou. Mas que tais acomodações não são tendências de nada, o planeta vai fazer o que precisa para se manter estável, nunca o contrário. E principalmente, o ser humano vai acabar muito antes de conseguir acabar com o planeta. Esse tipo de pensador e teórico acredita em um poder que o ser humano não tem, porque no fundo deseja ter esse poder.

Pois esse velho atingiu a casa dos noventa anos e resolveu ser honesto. A velhice bateu e ele deve estar com medo do inferno então resolveu limpar sua barra e admitir: nada do que previu está acontecendo. "O problema é que não sabemos o que o clima está fazendo", "deveríamos estar a meio caminho de fritarmos", mas não é isso que está acontecendo.

E agora? Quem me paga indenização por ter tido que suportar conversas sobre o aquecimento global? Por tudo o que estivesse acontecendo, chuva, calor, frio, enchente, nevasca, tudo diziam que era o aquecimento global. E eu tendo que ouvir isso sem poder pular no pescoço de tanta gente crédula e incapaz de pensar com suas próprias cabeças. E o pior, saber que acreditarão na próxima hipótese de Apocalipse. Saber que precisam estar se sentindo ameaçadas o tempo todo para ter assunto. E será bem comigo que virão conversar sobre o próximo tema.

Nenhum comentário:

Postar um comentário