21 de fev de 2013

Por que não deixam Yoani falar?


Mais uma vez, uma turba de pessoas, patrocinadas ou  ignorantes, impede Yoani Sánchez de falar.

Falo patrocinadas ou ignorantes, porque, ou são motivadas economicamente para defender os interesses de Cuba (o que é pouco provável) ou são ignorantes mesmos, secundando algo que muito provavelmente desconhecem.

Duvido que qualquer dessas pessoas, que bradam contra Yoani, conheça Cuba ou os irmãos Castro. Talvez, nem mesmo saibam o que seja ditadura. Não creio sequer que tenham visitado o "Generacion Y". Devem ter lido algumas poucas linhas na internet e arvoraram-se no direito de censurá-la sem conhecimento de causa.

Yoani, apesar de enérgica e incompreensivelmente perseguida, ofendida e humilhada (mesmo aqui no Brasil), vale-se apenas da palavra como arma. Sequer a vi, em momento algum, mudar o tom de voz ou ofender quem quer que seja.

Enquanto a moça, com sorriso doce e suave timbre de voz, só quer falar, mostrar seu livro, trogloditas pseudointelectuais, caras pintadas e com narizes de palhaço, impedem-na.

Tão grosseiras são essas manifestações contra a inofensiva e doce cubana, que sequer dá para contra-argumentá-las.

Apesar disso, educadamente, Yoani dá um show limitando-se a dizer: "- Eles gritam porque não têm argumentos". E não têm mesmo, embora a questão não seja de argumentos, mas de falta de educação.

Se não quiserem concordar com ela, não concordem. Mas, pelo menos, escutem-na.

Nenhum comentário:

Postar um comentário